27.3 C
Manaus
sábado, março 2, 2024
Publicidade
InicioColunistasCinemandoIndiana Jones e a Relíquia do Destino: filme que merece grande despedida

Compartilhar

Indiana Jones e a Relíquia do Destino: filme que merece grande despedida

Por Vinícius Andrade – “Indiana Jones e a Relíquia do Destino” não é um filme ruim, não achei ele essa atrocidade que tanto foi falado aí quando teve seu lançamento em junho desse ano, muito pelo contrário… Achei ele um filme ok, bacana, bem feito e com ótimos momentos de aventura. Mas quando digo que ele “carece de uma grande despedida”, aí o buraco é mais embaixo.

Não entrarei em detalhes para evitar spoilers e peço que cada um tire suas conclusões sobre o final. Tem gente que acha que é um final digno, há quem diga que é um final morno ou que seja um final péssimo ou muito agridoce, acredito que vai da experiência de cada um. Eu mesmo não me incomodei mas não acho um final digno para um encerramento de franquia. Acredito que faltou um roteiro melhor nesse quesito para entregar uma despedida a altura do personagem. Talvez, um roteiro melhor? Um vilão mais bem elaborado? Uma história um pouco mais pé no chão, será??

Dito isso, não me desagradei com o filme. Confesso que me o único desagrado que tive foi quando roteiro foi inventando demais e meio que me tirou um pouco da história com algumas idéias mirabolantes.

A direção de James Mangold é outra que eu acho que não funcionou muito nesse filme. Não sei explicar ao certo mas o jeito que ele conduz as cenas de ação ( Maioria usando efeitos digitais) são muito sem graça. Nenhuma delas é legal, memorável ou convincente o suficiente para nós tirar no mínimo um único arrepio que seja. Claro, Harrison Ford com seus 80 anos já não consegue fazer as acrobacias de antes, fato. Mas precisa exagerar tanto assim nos efeitos?

Os rumos tomadas para o roteiro chegar do ponto A ao ponto B também muito facilitados pelo roteiro, inclusive uma cena onde o nosso personagem concerta “algo” usando um chiclete marroquino. É possível? Não é do meu conhecimento, eu posso estar errado mas eu não consegui engolir não.

Blz, falei poucas e boas. O filme é ruim então? Não. Ele é um filme bem mediano mas que consegue nos entreter ao longo das suas 2H. Seja pela história que começa muito bem e tem um ótimo ponto de partida, saber como será a despedida do Harrison Ford na pele de Indiana Jones ou por ser aquele filme que você coloca sem pretensão alguma de esperar um filme “grandioso” além de uma boa aventura em família. Inclusive, ótimo filme para assistir com a família junta.

“Indiana Jones e a Relíquia do Destino” carece daquele grande final para um grande personagem, mas é um filme que pode agradar e muito se for assistir ele sem grandes expectativas e sem esperar algo muito maior do que o filme tem a oferecer.

Filme: Indiana Jones e a Relíquia do Destino

Streaming: Disney+

Data de Lançamento: 30/05/2023

Elenco: Harrison Ford; Mads Mikkelsen; Phoebe Waller-Bridger; Antonio Banderas; Boyd Holbrook.

O autor é estudante, crítico de cinema e fã de filmes e séries

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.

COLUNISTAS

Siga-nos

LEIA TAMBÉM

Clima esquenta na PM depois que a família do Coronel Menezes passou a mandar na corporação

Circula em grupos de policiais no WhatsApp um texto...

Comerciante que se achava dono da rua teve telhado demolido e material apreendido pela prefeitura

Um telhado construído em cima de uma rua para...