26.3 C
Manaus
quarta-feira, julho 17, 2024
Publicidade
InicioSaúdeProjeto promove bem-estar a pessoas com deficiência através da equoterapia

Compartilhar

Projeto promove bem-estar a pessoas com deficiência através da equoterapia

Criada em 2014, e fundada em 2019, a “Eu Acredito” é uma associação sem fins lucrativos que tem como objetivo principal a promoção do desenvolvimento físico, emocional e social de crianças e adultos por meio da interação com cavalos. Tem como ponto principal, fornecer o bem-estar e acima de tudo, a inclusão de pessoas com deficiência na sociedade, utilizando-se da equoterapia como metodologia terapêutica.

O projeto conta com a parceria de diversas instituições como: FADA (Fundação de Apoio à Pessoa Portadora de Deficiência), MUPA (Mãos Unidas Pelo Autismo), Casa Azul, Lar de Vitórias, Instituto Amigo Anjo, EAMAAR (Espaço de Atendimento Multidisciplinar ao Autista Amigo Ruy), AMA/AM (Amigos do Autista) e IAAM (Instituto de Acupuntura e Fisioterapia do Amazonas).

Segundo o Vice-presidente da instituição Marcelo Cordeiro, a diretoria está focada em oficializar o centro de equoterapia em Manaus. “O “Eu Acredito” veio a Manaus, fazer o trabalho de triagem das necessidades do tratamento de equoterapia dentre a comunidade PCD da Cidade de Manaus e das zonas próximas da capital. Sabemos da importância desse trabalho e do quanto ele pode impactar na vida das pessoas com deficiência e de seus familiares”, frisou.

Atualmente, tramita na Câmara dos Deputados, o Projeto de Lei 3446/19, que obriga o Sistema Único de Saúde (SUS) a fornecer equoterapia como recurso terapêutico quando houver prescrição médica. A prescrição deve seguir protocolos e diretrizes do Ministério da Saúde.

No Amazonas, a Lei nº 6.159, de 28 de dezembro de 2022, regulamenta a prática de equoterapia, permitindo que instituições públicas e privadas ofereçam este serviço.

A Instituição visa oferecer cerca de 500 vagas no centro “Eu acredito”, localizado no bairro Tarumã, zona Oeste de Manaus. Com o apoio de uma equipe multidisciplinar, o instituto faz a avaliação das crianças e dá o encaminhamento de acordo com a lei, para que assim o PCD receba gratuitamente o seu tratamento. As ações da Instituição podem ser vistas através do Instagram @equoterapiaeuacredito.

Até o momento, um total de 1300 pessoas estão sendo beneficiadas com o projeto nos estados do Acre, Roraima e Amazonas.

O que é equoterapia

A equoterapia é um método terapêutico onde utiliza-se o cavalo. O método serve para estimular o desenvolvimento da mente e do corpo, auxiliando no melhoramento das funções neurológicas. O tratamento, por exemplo, é indicado para pessoas com síndromes de Down, esclerose múltipla ou autismo e paralisia cerebral.

Confira o vídeo:

O método estimula as respostas das pessoas, melhorando assim a mobilidade, a interação social, o equilíbrio e a ajuda no fortalecimento muscular. Geralmente as sessões duram em média 30 minutos, e podem ser realizadas uma vez por semana. A equoterapia pode ser realizada individualmente ou em grupo, sempre com o acompanhamento de um profissional especializado como: fisioterapeuta, psicomotricista, fonoaudiólogo, terapeuta que auxiliam nos exercícios.

Com informações da assessoria

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.

COLUNISTAS

Siga-nos

LEIA TAMBÉM

Clima esquenta na PM depois que a família do Coronel Menezes passou a mandar na corporação

Circula em grupos de policiais no WhatsApp um texto...

Comerciante que se achava dono da rua teve telhado demolido e material apreendido pela prefeitura

Um telhado construído em cima de uma rua para...