28.3 C
Manaus
segunda-feira, fevereiro 26, 2024
Publicidade
InicioAmazonasPrefeitura anuncia pagamento de metade do 13º de servidores

Compartilhar

Prefeitura anuncia pagamento de metade do 13º de servidores

Pelo terceiro ano seguido, o prefeito de Manaus, David Almeida, paga metade do 13º salário dos servidores em meados do ano. Serão R$ 86,7 milhões a serem pagos em julho, a 33,8 mil servidores. Somados à folha mensal, de R$ 198,8 milhões (valor de maio), a Prefeitura de Manaus injetará, no próximo mês, R$ 285,5 milhões na economia local.

Outro ganho aos servidores municipais é o aumento do auxílio-alimentação. Nesta semana, o prefeito encaminhou à Câmara Municipal de Manaus (CMM), projeto de lei que iguala o benefício para todos os servidores, que terão o valor reajustado em 9%, percentual acima da inflação. Todos passam a ganhar R$ 528, a ser pago em julho, retroativo a junho.

“Duas boas notícias aos servidores. O pagamento do décimo terceiro salário, metade, no final do mês de julho, e o reajuste do auxílio-alimentação. Quando assumimos, o valor era de R$ 242. Ano passado aumentamos 100%, para R$ 484, e agora reajustamos em 9%, acima da inflação, para R$ 528. O novo valor, assim como o décimo terceiro, também será pago em julho, retroativo a junho”, destaca o prefeito.

O secretário municipal de Finanças e Tecnologia da Informação, Clécio Freire, explica que a antecipação do 13º e o aumento do auxílio só é possível com as finanças equilibradas, com as contas em dia. “Trabalho que a gestão do prefeito David vem fazendo desde o início do mandato e que garante ainda investimentos na cidade”, destaca.

Histórico

Em 2021, primeiro ano da atual gestão municipal, a Prefeitura de Manaus pagou R$ 60,1 milhões como antecipação do 13º, em junho, beneficiando aproximadamente 31,4 mil servidores. Em dezembro daquele mesmo ano, o restante: R$ 71,1 milhões.

No ano passado, a primeira parcela também foi efetivada em junho, correspondendo a R$ 70,7 milhões, para 31,5 mil servidores. E em dezembro de 2022, o pagamento foi concluído com a segunda parcela, de R$ 82,7 milhões.

Auxílio-alimentação

O projeto de lei que aumenta o valor do auxílio-alimentação e o torna igual aos servidores foi encaminhado à Câmara Municipal de Manaus (CMM) por meio da Mensagem nº 43/2023, alterando a lei nº 2.859/2022.

Após aprovação em plenário e sanção pelo prefeito, começará a ser pago na folha de pagamento do mês de julho, com valor retroativo a junho.

O benefício passará dos atuais R$ 484, pago à maioria dos servidores, para R$ 528, de forma unificada, medida que tem como intuito corrigir as perdas da inflação vigente, representando um acréscimo de 9% sobre o valor anterior.

Fonte: Assessoria

COLUNISTAS

Siga-nos

LEIA TAMBÉM

Clima esquenta na PM depois que a família do Coronel Menezes passou a mandar na corporação

Circula em grupos de policiais no WhatsApp um texto...

Comerciante que se achava dono da rua teve telhado demolido e material apreendido pela prefeitura

Um telhado construído em cima de uma rua para...