25.3 C
Manaus
segunda-feira, maio 27, 2024
Publicidade
InicioBrasilAdvogado mata vizinho em briga por causa de cachorro no ES

Compartilhar

Advogado mata vizinho em briga por causa de cachorro no ES

Luis Hormindo França da Costa, advogado de 33 anos, foi acusado de assassinar o aposentado Manoel de Oliveira, de 73 anos, na noite do último sábado (20 de abril), na Mata da Praia, em Vitória,no Espírito Santo. Os dois eram vizinhos e brigaram por causa de um cachorro que não estava na coleira.

A esposa da vítima, Marília Pepino, disse que Manoel estava na praça com ela e o cachorro, mas o cachorro não usava coleira nem focinheira porque o dono o considerava dócil. A discussão começou quando os cães envolvidos se cheiraram e o advogado explicou que os cães já o tinham avisado que estavam a fugir.

Marília relatou que a discussão rapidamente se transformou em insultos e ameaças, e que seu marido foi até sua casa para pegar uma arma. Quando eles voltaram, tiros foram disparados.

O suspeito contou à Polícia Militar que Manoel começou a atirar. Porém, a esposa da vítima afirma que foi o advogado quem atirou primeiro.

Uma das balas não só atingiu Manoel, mas também feriu seu cachorro, que estava em tratamento, e ainda atingiu a janela da casa de um aposentado. Moradores da Mata da Praia relataram ter ouvido mais de 30 tiros.

A Polícia Militar informou que o advogado e o idoso já haviam brigado por causa do cachorro, o que foi confirmado por amigos e parentes de Manoel.

COLUNISTAS

Siga-nos

LEIA TAMBÉM

Clima esquenta na PM depois que a família do Coronel Menezes passou a mandar na corporação

Circula em grupos de policiais no WhatsApp um texto...

Comerciante que se achava dono da rua teve telhado demolido e material apreendido pela prefeitura

Um telhado construído em cima de uma rua para...