31.3 C
Manaus
sexta-feira, maio 24, 2024
Publicidade
InicioBrasilEmpresário que agrediu modelo em academia é condenado a prisão

Compartilhar

Empresário que agrediu modelo em academia é condenado a prisão

O empresário Thiago Brennand foi condenado a uma pena de 1 ano e 8 meses de prisão, a ser cumprida em regime inicialmente fechado, devido a agressões à modelo Alliny Helena Gomes, ocorridas em agosto de 2022. Além da pena de prisão, ele também deverá pagar uma indenização de R$ 50 mil à vítima. A decisão, datada da última sexta-feira (27), foi tornada pública pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) apenas nesta terça-feira (31). O processo tramitou em sigilo na 6ª Vara Criminal da Capital, com a realização de duas audiências nos dias 27 de julho e 1º de setembro.

A condenação de Thiago Brennand inclui os crimes de lesão corporal e discriminação contra a vítima. Ressalta-se que ainda cabe recurso contra essa decisão. O caso ganhou notoriedade após as câmeras de segurança registrarem o empresário agredindo a modelo em uma academia localizada no shopping Iguatemi, uma área nobre da cidade de São Paulo, no dia 3 de agosto de 2022. Como resultado, outras mulheres decidiram denunciar agressões semelhantes.

No entanto, Thiago Brennand foi absolvido da acusação de corrupção de menores. Esse é o segundo veredicto condenatório contra o empresário, que enfrenta outros cinco processos em andamento, além de ter chegado a acordos em dois processos anteriores, que foram extintos.

Fonte: Portal R7

COLUNISTAS

Siga-nos

LEIA TAMBÉM

Clima esquenta na PM depois que a família do Coronel Menezes passou a mandar na corporação

Circula em grupos de policiais no WhatsApp um texto...

Comerciante que se achava dono da rua teve telhado demolido e material apreendido pela prefeitura

Um telhado construído em cima de uma rua para...