28.3 C
Manaus
sexta-feira, abril 19, 2024
Publicidade
InicioBrasilOperação Transloading: PF atua contra tráfico de armas e drogas

Compartilhar

Operação Transloading: PF atua contra tráfico de armas e drogas

A Operação Transloading da Polícia Federal, deflagrada nesta terça-feira (5), teve o objetivo de desarticular uma organização criminosa especializada no tráfico internacional de drogas e armas de fogo. O grupo alvo da investigação é suspeito de fornecer cerca de 43 mil armas para líderes de facções criminosas no Brasil. A atuação abrangia diversos Estados, transportando materiais ilícitos da fronteira até o Nordeste. A operação resultou no cumprimento de 37 mandados de prisão preventiva e 52 de busca e apreensão, em ação coordenada em São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Mato Grosso do Sul, Goiás, Pará, Maranhão, Ceará, Paraíba, Piauí e Distrito Federal, com a participação de 180 policiais federais.

As investigações, iniciadas no final de 2022, identificaram distribuidores e comerciantes de drogas nos Estados do Piauí, Maranhão e Ceará, utilizando sítios e imóveis rurais para armazenar entorpecentes oriundos da Bolívia e Paraguai. A droga era comercializada em Teresina, Imperatriz (MA) e Fortaleza. A segunda fase da operação focou no grupo logístico, responsável pelo transporte da droga pelas rodovias do país, resultando na detenção de dez caminhoneiros e na apreensão de aproximadamente 3 toneladas de entorpecentes (maconha e cocaína).

Os líderes e fornecedores de drogas foram identificados em São Paulo, Mato Grosso do Sul e Paraná, locais de onde comandavam as operações e enviavam os entorpecentes para o Nordeste. A investigação coletou evidências de tráfico internacional, comércio ilegal de armas de fogo e munições. Além dos membros operacionais e logísticos do grupo criminoso, diversas pessoas físicas e jurídicas foram usadas para movimentar valores ilícitos. O bloqueio e sequestro de cerca de R$ 200 milhões em contas bancárias dos investigados foram determinados, junto com a apreensão de veículos em posse do grupo.

Os envolvidos responderão por crimes como tráfico internacional de drogas, associação para o tráfico, tráfico internacional e comércio ilegal de armas de fogo e munições. Após interrogatório, os detidos serão encaminhados aos sistemas penitenciários estaduais, ficando à disposição da Justiça. A Operação Transloading faz referência à transferência de mercadorias entre diferentes meios de transporte durante o trajeto até seu destino, representando o modus operandi do grupo criminoso, que utilizava transporte terrestre, fluvial e aéreo para realizar a cadeia ilícita do tráfico internacional de drogas e armas de fogo.

Fonte: Jovem Pan

COLUNISTAS

Siga-nos

LEIA TAMBÉM

Clima esquenta na PM depois que a família do Coronel Menezes passou a mandar na corporação

Circula em grupos de policiais no WhatsApp um texto...

Comerciante que se achava dono da rua teve telhado demolido e material apreendido pela prefeitura

Um telhado construído em cima de uma rua para...