29.3 C
Manaus
domingo, julho 14, 2024
Publicidade
InicioEsporteFutebol amazonense vai receber investimento de R$ 7,5 milhões de investimento

Compartilhar

Futebol amazonense vai receber investimento de R$ 7,5 milhões de investimento

O governo do Amazonas anunciou, nesta sexta-feira (7), um patrocínio inédito de R$ 7,5 milhões para clubes do futebol profissional do estado, masculino e feminino. O valor será repassado pelo Estado, por meio da Secretaria de Estado do Desporto e Lazer (Sedel), para a Federação Amazonense de Futebol (FAF).

“No momento em que a gente faz os investimentos, a gente espera que esses atletas tragam retorno. E o retorno não é para o governador e nem para o secretário, o retorno é para a sociedade amazonense porque trata-se de dinheiro público e o retorno é para eles, para os próprios atletas e para aqueles que têm a perspectiva de um dia ser um atleta profissional”, declarou Wilson Lima.

Na ocasião, o governador também anunciou a ampliação do Programa Esporte e Lazer na Capital e Interior (Pelci) e do programa RespirAR para estádios de futebol de Manaus e também anunciou que os 383 trabalhadores de ambos os programas (205 do Pelci e 178 do RespirAR) estão com seus contratos garantidos por mais dois anos.

Participaram da solenidade, no estádio da Colina, os deputados estaduais João Luiz; o presidente da Federação Amazonense de Futebol (FAF) e deputado estadual, Ednailson Rozenha; o presidente da Câmara Municipal de Manaus, vereador Caio André, além dos também vereadores Diego Afonso, Ivo Neto, Márcio Tavares, Professora Jaqueline e Luís Mitoso; os prefeitos de Rio Preto da Eva, Anderson Souza, que também preside a Associação Amazonense dos Prefeitos, e de Iranduba, Augusto Ferraz; e o secretário estadual de Desporto e Lazer, Jorge Oliveira.

O investimento anunciado para o futebol é o maior já feito pelo Estado para os clubes do Amazonas, superando valores da própria gestão Wilson Lima, que em 2021 pagou R$ 2,5 milhões e, em 2022, efetuou o repasse, até então inédito, de patrocínio no valor de R$ 5 milhões.

“O governador Wilson Lima tem sido o que mais tem investido na história do esporte amazonense, faz mais um golaço porque sabe da importância de investir, mas sabe também da importância do esporte na categoria de base e do profissional”, afirmou Jorge Oliveira.

O incentivo deste ano vai beneficiar 14 times amazonenses que integram os campeonatos da base ao profissional, em níveis local, regional e nacional, como o Campeonato Amazonense das Séries A e B; a Copa da Floresta; e todas as nove competições de categorias de base.

Divisão de recursos

Também haverá um reforço financeiro para as equipes que representam o Amazonas nas disputas regionais e nacionais, que são: Manaus FC, Amazonas FC, Princesa do Solimões, Nacional FC, JC Futebol Clube, 3B da Amazônia, Recanto e Tarumã.

Nas competições que seguem em andamento, o Nacional FC e o Princesa do Solimões receberão outros R$ 500 mil para o Campeonato Brasileiro Série D. Para o Brasileirão Série C, Amazonas FC e Manaus FC serão fomentados com R$ 1 milhão.

Com nove clubes que disputaram a Série A do Campeonato Amazonense, cada um dos times receberá R$ 171.250; são eles: Manaus FC, Nacional FC, Princesa do Solimões, Amazonas FC, RPE Parintins, Iranduba, Manauara, Rio Negro e Operário, totalizando R$ 1,3 milhão.

O Campeonato Amazonense feminino receberá R$ 150 mil, que será repassado para os cinco clubes participantes: Recanto Interativo, 3B da Amazônia, Tarumã, JC FC e Clipper. As categorias Sub-07, Sub-9, Sub-11, Sub-13, Sub-15, Sub-17, Sub-19, Copa Amazonas Sub-19 do futebol de base receberão um total de R$ 500 mil.

Já as equipes femininas, que representam o Amazonas na Série A2 do Campeonato Brasileiro, receberão R$ 250 mil. Para a Série A3, os times Recanto e Tarumã terão o apoio financeiro de R$ 100 mil.

Com 36 clubes participantes, a primeira edição da Copa da Floresta também será beneficiada com R$ 700 mil. Com apoio da Federação Amazonense de Futebol, a competição inicia no dia 16 de agosto, com 36 seleções do interior do Amazonas, divididas em seis chaves. Entre os times estão: Alvarães, Amaturá, Caapiranga, Boa Vista do Ramos, Codajás, Fonte Boa, Humaitá, Coari, Lábrea, Manaquiri e Novo Airão.

Fonte: Assessoria

COLUNISTAS

Siga-nos

LEIA TAMBÉM

Clima esquenta na PM depois que a família do Coronel Menezes passou a mandar na corporação

Circula em grupos de policiais no WhatsApp um texto...

Comerciante que se achava dono da rua teve telhado demolido e material apreendido pela prefeitura

Um telhado construído em cima de uma rua para...