26.3 C
Manaus
quinta-feira, maio 30, 2024
Publicidade
InicioMundoJovem de 14 anos morre após ataque com espada em Londres

Compartilhar

Jovem de 14 anos morre após ataque com espada em Londres

A polícia britânica informou que um menino de 13 anos morreu após o incidente de esfaqueamento, em Londres, nesta terça-feira (30/5), onde um homem armado com uma espada foi preso. A polícia disse não acreditar que o incidente estivesse relacionado ao terrorismo. A polícia aplicou um choque e prendeu um homem de 36 anos após o incidente perto de Hainault, no leste de Londres.

Imagens de vídeo mostraram um homem vestido de amarelo empunhando o que parecia ser uma espada.

“É com grande tristeza que confirmo que um dos feridos, um menino de 13 anos, morreu. Ele foi levado ao hospital depois de ser esfaqueado e infelizmente morreu pouco depois”, disse o superintendente-chefe da Polícia Metropolitana de Londres, Stuart Bell.

Dois membros do público e dois policiais estavam no hospital com ferimentos não fatais. Os dois policiais tiveram facadas que necessitaram de cirurgia, acrescentou Bell.

“Não acreditamos que exista qualquer ameaça contínua à comunidade em geral, não estamos à procura de mais suspeitos e este incidente não parece estar relacionado com o terrorismo”, disse ele.

“Este é um incidente chocante. Meus pensamentos estão com as pessoas afetadas e suas famílias. Gostaria de agradecer aos serviços de emergência pela sua resposta contínua e prestar homenagem à extraordinária coragem demonstrada pela polícia no local”, escreveu o premiê Rishi Sunak no X (antigo Twitter).

“Tal violência não tem lugar nas nossas ruas”, concluiu Sunak.

“Este deve ter sido um incidente terrível para os envolvidos. Sei que a comunidade em geral ficará chocada e alarmada”, disse o vice-comissário assistente da Polícia Metropolitana, Ade Adelekan.

“Não acreditamos que haja qualquer ameaça contínua à comunidade em geral”, completou.

“Estou sendo regularmente atualizado sobre o incidente na estação Hainault esta manhã”, disse o ministro do Interior britânico, James Cleverly, no X (antigo Twitter).

“Meus pensamentos estão com aqueles que foram afetados”, completou.

COLUNISTAS

Siga-nos

LEIA TAMBÉM

Clima esquenta na PM depois que a família do Coronel Menezes passou a mandar na corporação

Circula em grupos de policiais no WhatsApp um texto...

Comerciante que se achava dono da rua teve telhado demolido e material apreendido pela prefeitura

Um telhado construído em cima de uma rua para...