25.3 C
Manaus
domingo, abril 21, 2024
Publicidade
InicioPolíciaCaso Débora: peritos identificam ossada do bebê

Compartilhar

Caso Débora: peritos identificam ossada do bebê

A ossada de um bebê encontrada no dia 3 de novembro pertence a Arthur Vinicius, bebe de  Débora da Silva Alves, de 18 anos. A identificação foi feita pelos peritos do laboratório de Genética Forense do Instituto de Criminalística Lorena dos Santos Baptista (ICB-LSB) identificaram que os ossos enviados ao Instituto Médico Legal (IML).

O perito criminal, Delson Tavares, detalhou o procedimento, destacando que a análise, realizada pelos peritos do Instituto de Criminalística, levou em média 40 dias. Ele explicou as etapas da perícia técnica que culminou na identificação dos ossos, estabelecendo um vínculo de maternidade entre Débora e a criança.

Rita de Cássia Alves, tia da vítima, expressou sua gratidão pelo trabalho dos agentes e peritos. Ela ressaltou que a família sempre suspeitou que os restos mortais pertenciam a Arthur Vinicius, e a rapidez da análise pelo Laboratório de Genética confirmou essa suspeita. A tia agradeceu à polícia, aos peritos e a todos os envolvidos no caso, destacando a celeridade com que o caso foi desvendado.

O caso de Débora da Silva Alves ocorreu em agosto deste ano, quando ela foi encontrada morta em uma área de mata na zona leste de Manaus. Na ocasião, o principal suspeito pelo assassinato da jovem grávida de oito meses foi preso pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). O inquérito foi concluído pela Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) e encaminhado ao Poder Judiciário.

COLUNISTAS

Siga-nos

LEIA TAMBÉM

Clima esquenta na PM depois que a família do Coronel Menezes passou a mandar na corporação

Circula em grupos de policiais no WhatsApp um texto...

Comerciante que se achava dono da rua teve telhado demolido e material apreendido pela prefeitura

Um telhado construído em cima de uma rua para...