27.3 C
Manaus
segunda-feira, junho 24, 2024
Publicidade
InicioPolíciaDupla suspeita do roubo e homicídio em salão de beleza é presa,...

Compartilhar

Dupla suspeita do roubo e homicídio em salão de beleza é presa, no AM

Policiais civis da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD) prenderam, na terça-feira (02/04), Andreina de Souza Eleuterio, 23, e Kevin Lima de Abreu, 21, conhecido como “Talibã”, por envolvimento em um roubo a um salão de beleza, que ocasionou na morte de Carlos Alberto Alves de Andrade, que tinha 50 anos. O fato aconteceu no dia 10 de fevereiro deste ano, no bairro Alvorada, zona centro-oeste de Manaus.

Em coletiva de imprensa, o delegado Thomaz Vasconcelos, titular da DERFD, disse que há cinco envolvidos na ação criminosa. No dia do fato, três deles chegaram ao estabelecimento, renderam os clientes, agrediram os funcionários, roubaram aparelhos celulares e eletrônicos, além da renda do salão. As investigações iniciaram logo após o fato.

“Nós estamos aqui hoje para prestar esclarecimentos sobre esse caso. Logo após o roubo, os infratores fugiram do local com medo de serem alcançados, nesse momento Kevin efetuou dois disparos de arma de fogo na intenção de dispersar os populares, e um deles atingiu Carlos Alberto na traqueia, pulmões e coluna, que foi a óbito em uma unidade hospitalar”, relatou o delegado.

Segundo a autoridade policial, as investigações ganharam reforços, e na data de ontem foi possível localizar o paradeiro de Kevin na avenida Itaúba, bairro Jorge Teixeira, zona leste de Manaus. Já Andreina foi presa no bairro Centro, zona sul. Ela foi responsável por visitar o salão e verificar a movimentação do local.

Um terceiro envolvido na ação criminosa já havia sido preso em março deste ano, pelos policiais do 19° Distrito Integrado de Polícia (DIP).

“O Kevin já responde por cerca de 12 ocorrências desde que era menor de idade, incluindo o ato infracional análogo a homicídio quando ocultou um cadáver no quintal de sua casa, ou seja, ele é um homem de alta periculosidade e frio. Vale informar que ao ser perguntado se ele se arrependia dos fatos, respondeu que sim, pois o que foi subtraído não compensou”, pontuou.

Investigação

O delegado Thomaz Vasconcelos Dias ressaltou que as diligências em torno do caso continuarão, a fim de localizar e prender os outros dois envolvidos na ação criminosa.

“Portanto, reforçamos que a Polícia Civil está atenta e não para, sempre levando resposta à sociedade quanto a esses crimes cometidos”, afirmou.

Procedimentos

Andreina de Souza e Kevin Lima responderão por roubo e homicídio, eles passarão por audiência de custódia e ficarão à disposição da Justiça.

Com informações da assessoria

COLUNISTAS

Siga-nos

LEIA TAMBÉM

Clima esquenta na PM depois que a família do Coronel Menezes passou a mandar na corporação

Circula em grupos de policiais no WhatsApp um texto...

Comerciante que se achava dono da rua teve telhado demolido e material apreendido pela prefeitura

Um telhado construído em cima de uma rua para...