26.3 C
Manaus
quinta-feira, maio 30, 2024
Publicidade
InicioPolíciaHomem matou namorada grávida porque não queria ter filho negro

Compartilhar

Homem matou namorada grávida porque não queria ter filho negro

Na última terça-feira (21), Victor de Souza Rocha, de 21 anos, foi detido em Manaus, sendo apontado como o responsável pelo brutal assassinato de sua ex-namorada, Karine Sevalho Lima, de 19 anos. O corpo da jovem, grávida de sete meses, foi descoberto em 26 de maio de 2022, em uma área de mata no bairro Lago Azul, na zona norte da capital. Moradores locais encontraram a vítima, cujo rosto estava desfigurado, apresentando evidências de agressões e perfurações no olho.

De acordo com informações reveladas pelo delegado Ricardo Cunha, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Rocha confessou a pessoas próximas que cometeu o crime devido à gravidez da ex-namorada, alegando que não aceitava a possibilidade de a criança nascer negra. O delegado acrescentou que a vítima foi ameaçada ao longo dos sete meses de gestação, sendo pressionada a realizar um aborto, pois o acusado não aceitava a paternidade.

Além da brutalidade do assassinato, as autoridades também estão investigando a possibilidade de motivação racial no caso, uma vez que Rocha teria expressado seu preconceito em relação à cor da criança que Karine esperava. A polícia segue investigando o caso do suposto racismo.

COLUNISTAS

Siga-nos

LEIA TAMBÉM

Clima esquenta na PM depois que a família do Coronel Menezes passou a mandar na corporação

Circula em grupos de policiais no WhatsApp um texto...

Comerciante que se achava dono da rua teve telhado demolido e material apreendido pela prefeitura

Um telhado construído em cima de uma rua para...