29.3 C
Manaus
quarta-feira, julho 17, 2024
Publicidade
InicioCelebridadesCasimiro é condenado após pedir cadeia a participante de reality

Compartilhar

Casimiro é condenado após pedir cadeia a participante de reality

Na última quarta-feira (12/6), o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) condenou o streamer Casimiro a pagar R$ 10 mil reais ao mecânico Denilson Martins Jales por danos morais. O caso foi iniciado após o apresentador pedir que Denilson fosse preso após revelar no programa Supernanny que ele tinha 22 anos de idade e sua companheira tinha 15.

Na live, realizada em 2021, Casimiro também o chamou de vagabundo:

“É crime, cadeia, cadeia no vagabundo. Não é de juízo que faltou não. É cadeia que faltou para você. Xilindró vagabundo”

Ao entrar com uma denúncia contra o streamer, o mecânico afirmou que nunca foi acusado de ter cometido crime. O advogado Marco Luna, que representa Denilson, alegou que “Casimiro utiliza de sua popularidade para lucrar, injuriar e ofender o autor publicamente”.

Casimiro argumentou que seu canal é humorístico durante o processo. Além disso, afirmou que nunca atribuiu os crimes de estupro ou pedofilia ao homem e que essa interpretação partiu do mecânico e ignorou os comentários feitos.

O apresentador ainda disse que se referiu ao fato da mulher ser “nova demais para entender o que seria criar um filho”. Por fim, afirmou que as críticas e as sátiras feitas fazem parte do exercício de liberdade e opinião.

Entretanto, o juiz Ricardo Tseng Kuei Hsu não achou a argumentação convincente e relatou que, com os comentários, Casimiro cometeu abuso ao chamar o mecânico de “vagabundo, um merda e paspalhão”.

A decisão do juiz também incluiu a retirada do vídeo do caso. O conteúdo permanece disponível em canais não oficiais no YouTube até a publicação deste artigo. O conteúdo já não está disponível no canal de cortes do apresentador.

A corte deu ao streamer dez dias para apresentar um recurso.

COLUNISTAS

Siga-nos

LEIA TAMBÉM

Clima esquenta na PM depois que a família do Coronel Menezes passou a mandar na corporação

Circula em grupos de policiais no WhatsApp um texto...

Comerciante que se achava dono da rua teve telhado demolido e material apreendido pela prefeitura

Um telhado construído em cima de uma rua para...